Thursday, 25 May 2017

Plano de fuga

Os muros nada podem contra a vontade de um horizonte maior

6 comments:

João Menéres said...

Não se aplica a mim.
Foram muros, foram paredes, foram vidros que me trouxeram para uma cota onde o horizonte é mais reduzido.
Onde nem umas verdes cabem...
E onde não há lugar para um Plano de fuga

Luis said...

La vida no puede mantenerse entre rejas. Ella fluye y siempre busca una salida. Un abrazo

Rasuras do Aparo said...

... espiga-se a vontade na tentativa da intersecção com a elíptica ..

Manu said...

Aqui os muros nada podem contra a fuga, algo escapa, pormenores que me deixaram a imaginar por onde poderia fugir, mas não há volta a dar, tudo foi preenchido com perícia e boas estratégias fotográficas.

Remus said...

Como eu gostava que esta fotografia fosse minha, que tivesse sido eu a tirar e a publicar no meu tasco.
Como eu gostava... Mas gostava mesmo...

E agora que a inveja está a tomar o lugar ocupado pela minha parte mais altruísta, como eu gostava que no dia em tirou esta fotografia, a L.Reis tivesse sido acometida por uma diarreia que não a tivesse deixado sair de casa. Se assim tivesse acontecido, eu não estaria agora aqui a pensar no "como eu gostava..."
:-D

A fotografia está LINDAAAAAAAA!

Ana Freire said...

Mais um daqueles casos... em que gosto tanto da foto, quanto das palavras, que a acompanham...
Notável, como sempre!
Bjs
Ana