Tuesday, 23 May 2017

De Passagem...

... pudesse eu escolher os passos que me levam ao amanhã...

14 comments:

João Menéres said...

O forte impacto do AZUL logo dirigiu o meu OLHAR para a espantosa legenda !
Mas tiveste sorte naquele encarnado existir sobre a cabeça...
Afinal existem mais cores que casam maravilhosamente bem com o azul !...

( Chefchaouen constitui para ti um verdadeiro poço de petróleo, ou uma mina de ouro se preferires ! ).

Minimal said...

Precisa, buen detalle de la vestimenta, buena composición y un color muuuy atractivo, me ha gustado mucho :)))

Un abrazo.

Camerando Blog said...

Esta fotografia tem para mim um magnetismo impressionante.
Não consigo tirar os olhos desta modelo e imaginar seu rosto e expressão.
Jamais saberei, mas também jamais senti isto ao ver uma fotografia de um desconhecido de costas voltadas.
Esta postura dá uma fluidez incrível à imagem.
Aceite um grande parabéns deste humilde fotógrafo.

Camerando Blog said...

Sem a intenção de contradizer o Mestre João, na minha opinião é uma fotografia que não precisa de legenda...

João Menéres said...

CAMERANDO

E as legendas da L. REIS precisam de uma imagem ?

Mas acrescento :
A L. REIS é IMAGEM E TEXTO ( e muito mais que é o seu ser único !

Forte abraço.

Rasuras do Aparo said...

... "De Passagem" desse cinzento amorfo que pisa para o azul que lhe faz renascer as cores que guarda no lenço prontas a esvoaçar com tais passos aguardados no amanhã de cada novo dia ...

Manu said...

Também estou de passagem , mas não com ar tão elegante como o da modelo.
Estes azuis dão cabo de mim.

ñOCO Le bOLO said...

·.
Magnífica imagen, con ese intenso azul propio de esa zona de Marruecos. Me gusta mucho el encuadre...
y las fotos anteriores, siempre extraordinarias.

abraços

· LMA · & · CR ·

Camerando Blog said...

Ora Menéres, claro que nem uma ou outra precisa do complemento para colocar-nos a admirar!
Inclusive acho que começarei a vir menos por aqui, pois me sinto tão pequeno... a tal ZELOTIPIA está me consumindo! :) :) :)
(gostei desta palavra que aprendi com o Remus)

Remus said...

É assim que estamos bem. É assim que ficamos bem... o ver a L.Reis pelas costas. Eu pelo menos por mim falo. E quem não me acompanhar nas palavras, claramente é porque me quer ver pelas costas.
:-P

Mediante a visualização desta fotografia, surgem algumas questões que por acaso até parecem mencionadas em muitas revistas da especialidade. Quem vestiu a modelo? Quem calçou a modelo? Quem penteou a modelo? Quem arranjou a modelo?
Acho que seria cordial mencionar pelo menos a ficha técnica da produção desta fotografia. É que temos que dar mérito a cada um. Porque cada um fez muito bem o seu trabalho. Não pode ser somente a L.Reis a receber os louros todos. Até porque, se os receber todos, fica com excesso e depois eles estragam-se. Não consegue usar tanto louro na comida...
:-P

Luis said...

Me sorprende como el tono de las paredes crea distancia entre la señora y ellas creando volúmenes que en realidad no se aprecian por delante de la modelo. Me encanata. Abrazo

Ana Freire said...

Pudesse eu parar o relógio... e ficava a apreciar esta foto, até amanhã... de manhã...
Mas já é muito noite, hoje!...
Acho que nem preciso dizer mais nada... a não ser que vir aqui, fora de horas... me vai dar uma insónia danada! :-D
Bjs
Ana

Kaipiroska said...

E continuam as fotos maravilhosas de Marrocos.... Ai que dorzinha ;)

Ana Lúcia said...

É incrível como não se importam de jogar cores e padrões que não jogam mesmo nada. :) Um retrato muito bem conseguido, destacado pelo azul desse lugar maravilhoso.