Sunday, 14 January 2018

Friday, 12 January 2018

Há sítios assim...

...onde a pressa não tem morada.

Tuesday, 9 January 2018

Monday, 8 January 2018

Lisboa, Lisboa...

... cada vez mais, à beira-rio.

Saturday, 6 January 2018

Dia de Reis


Thursday, 4 January 2018

Wednesday, 3 January 2018

Spot the differences


Eu tive um trabalhão, mas consegui achar as 6 diferenças!

Tuesday, 2 January 2018

Só mais 5 minutos...

Só mais 5 minutos...isto de acordar para o novo ano não é fácil.

Sunday, 31 December 2017

Abraço de Ano Novo

Suponhamos que de cada abraço nasce uma estrela, 
e que cada estrela acende um desejo, 
e que cada desejo cumpre um querer, 
e que cada querer apaga o pior de cada dia, 
e que cada dia acorda o melhor daquilo que somos
...suponhamos...
porque hoje é um dia bom para supor. 
Assim sendo, e porque tudo começa com um abraço, deixo-vos aqui um bem grande
porque hoje quero que nasça uma nova constelação. 
Vamos lá fazer de 2018 um prodígio de coisas boas.

Friday, 29 December 2017

Friday, 22 December 2017

Agasalho de Natal

Para todos, os que por aqui passarem, deixo o desejo de um Natal com sorrisos acesos e abraços com o quente aconchego de uma camisola de lã.
(E como os abraços têm sempre a medida certa, podem exagerar nos doces à vontade.)

Sunday, 17 December 2017

Infinitamente...

... até aquele longe onde habitam as coisas impossíveis.

Saturday, 16 December 2017

Saturday, 9 December 2017

Acenda-se o Natal!


Tuesday, 5 December 2017

Monday, 4 December 2017

Sunday, 3 December 2017

Geometria de pausa


Friday, 1 December 2017

Wednesday, 29 November 2017

Zanga

Às vezes a vida vira-nos o sorriso ao contrário.

Tuesday, 28 November 2017

Monday, 27 November 2017

Planeta azul

... para lavar a alma dos restos do quotidiano.

Saturday, 25 November 2017

Thursday, 23 November 2017

Caos?

... ou talvez haja algum propósito, escondido no sopro da brisa.

Wednesday, 22 November 2017

Tuesday, 21 November 2017

Monday, 20 November 2017

Arrivals - Gate 51

Deram entrada, no aerotelhado do Porto, os passarocos Simão723 e Salomé727,  provenientes de Odeceixe e com destino a Milheirós.

Saturday, 18 November 2017

Cachecóis para pintar o inverno...

... com aconchegos de todas as cores. :)

Friday, 17 November 2017

Wednesday, 15 November 2017

Monday, 13 November 2017

Sunday, 12 November 2017

Para poisar pensamentos às cores

E se o dia nasce assim: um bocado cinzento, um bocado amarrotado, um bocado granuloso, um bocado vazio...risco-lhe umas linhas e entretenho-me a dependurar-lhe pensamentos coloridos.

Friday, 10 November 2017

Wednesday, 8 November 2017

Tuesday, 7 November 2017

Marés de Midas


Monday, 6 November 2017

Uniões de facto

...prometo amar-te, nas tempestades e na bonança, nos horizontes de sol e nos dias sem cor, nas marés mansas e no cimo de uma vaga, num porto de abrigo ou na lonjura de um mar alto...

Saturday, 4 November 2017

Olha...

Eu podia ser gato aqui.
Enroscar-me em imensa preguiça,
Dar a volta ao mundo nas traseiras de uma casa
E ser dono de uma porta azul.

Friday, 3 November 2017

Escuta...

Eu podia viver aqui
Onde o silêncio é paisagem,
Onde a  pressa não tem caminho
E o amanhã é sempre noutro dia qualquer.

Wednesday, 1 November 2017

Tuesday, 31 October 2017

Allium Cepa


Sunday, 29 October 2017

O abismo

E se eu saltar?

Saturday, 28 October 2017

Friday, 27 October 2017

Wednesday, 25 October 2017

Tuesday, 24 October 2017

Relevo montanhoso

... para subir e subir, até ao cume da palavra "FIM".

Monday, 23 October 2017

Paisagem protegida

... onde todos os caminhos se percorrem com dedos de folhear...

Sunday, 22 October 2017

Livrofobia- I


Saturday, 21 October 2017

Sangue pouco azul


Para quem não sabe, o desafio do Flipo esta semana é "Sangue".
Estava eu à beira de cortar os pulsos ou dar uma facada na coxa, para poder participar, quando ontem me arranhei num cabide de madeira. Indiferente à dor excruciante, corri em busca de uma folha de papel higiénico, para poder armazenar o precioso líquido, de forma a poder ter uma fotografia. Como podem ver, a coisa foi grave...a amostra de sangue real que consegui, tem pouco mais do que o diâmetro de uma cabeça de alfinete...enfim, faz-se o que se pode. O sangue não é lá grande coisa, mas têm que concordar que o meu papel higiénico é bonito!

Friday, 20 October 2017

Thursday, 19 October 2017