Wednesday, 22 November 2017

Memórias de Verão


11 comments:

Ana Lúcia said...

Apesar das tolhas de praia, esta foto não me sabe a verão, é demasiado urbana... Mas como foto está genial, excelente grafismo e colorido.

Rasuras do Aparo said...

... fiquei sem saber se a memória é boa ou má ... tanta toalha estendida ... mau tempo não puderam ir à praia e vá de aproveitar e lavar as toalhas estando já na fase de secagem ?! ... mas de facto há verões que me ficaram sempre na memória ... outros nem por isso ... ( mas gosto do grafismo da foto ...)

Anonymous said...

... lembro-me tão bem como se fosse hoje.

Alberto Oliveira (Legível)

joaquín said...

Me ha recordado un pentagrama

Minimal said...

Jeje, qué buena, geometría y color :))

Buen concepto, Maestro.

Un abrazo.

Remus said...

Estou a ver que nesse sitio, no Verão, só se usa toalhas. O resto é tudo em pelota...
Já estou aqui a imaginar a L.Reis a fazer o mesmo. A vir da sua praia de nudismo, chegar ao apartement de vacances e colocar a sua toalha amarela a secar à janela. Em seguida, completamente da forma como veio ao mundo, sem parra nem pudor mas com mais alguns quilos, decide fazer uma sopa fria. Será que tem os ingredientes? É a pergunta... Procura tomates e encontra dois. Apalpa-os, mas nota que estão algo moles já nem possuem bom aspecto, mas vão ter que servir. Também precisa de um bom pepino. Mas o que está à ali à mão, está tudo encolhido e sem vigor nenhum. A ideia da sopa fria, tal como o pepino, começa a perder força. Mas nisto lembra-se que no apartement de vacances do lado, está alguém. Pelos barulhos que já ouviu, imagina que será um homem relativamente jovem, bem disposto e com boa aparência. Pensa para consigo: Aposto que deve ter uns bons tomates e pepino e quiçá até terá hortelã, para dar um cheirinho especial. Decide tentar a sorte. Vai buscar novamente a tolha que estava a secar e envolve-se nela. Coloca o batom vermelho, um bocadinho de perfume e coloca-se a caminho. Bate à parte do apartement de vacances do lado. Ninguém atende. Bate novamente na porta. Ninguém atende. A L.Reis já começa a olhar de soslaio e a bater com o pé direito o chão. Bate novamente, mas desta vez com um pouco mais de força, já a roçar à má educação.
Nisto, abre a porta um homem com os seus trinta e poucos anos, bem constituído, com um aspecto de como tivesse sido acordado neste exacto momento, completamente desnudado, excepto na zona do quadril onde apresentava umas cuecas brancas com uns corações cor-de-rosa. Ao ver este homem, a L.Reis solta um sorriso algo matreiro e até sente umas palpitações maliciosas.

- Boa tarde.
- Boaaaa tardeeee... - Enquanto boceja.
- Eu sou estou apartamento do lado e vinha perguntar se tem tomates e pepino que me possa dar.
- Como?
- Se tem tomates!
- Isto é mesmo a sério ou eu ainda estou a sonhar?
- Mau... Se for uma questão de dinheiro, eu até pago pelos seus tomates e pepino...
- Ó madame, tomates eu tenho, mas não jogo no seu campeonato.
E fechou a porta na cara da L.Reis.

Sem perceber muito bem o que tinha acontecido, L.Reis voltou para o seu apartement de vacances. Voltou a tirar a toalha amarela e levou-a à janela para coloca-la a secar. Quando olha para as janela do lado e vê as toalhas do vizinho do lado que estavam penduradas, compreende porque se calhar uma mulher nunca irá terá sucesso, em pedir tomates e pepino a alguém com uma toalha arco-íris e outra cor-de-rosa.

The End!

:-D

Mais um comentário totalmente parvinho da minha parte...

L.Reis said...

Credo...não sei o que é que o remus anda a tomar, mas eu também quero! :):)

Ana Freire said...

E nesse dia... todos se lembraram do mesmo... dar banho ao Verão... antes de o arrumar na gaveta, e de o trocar pelo Outono...
Espectacular este efeito, salpicado com estes pedaços de cores estendidas...
Enquadramento super perfeito! Adorei!
Beijinho
Ana

Manu said...

Pelo que vejo os espanholitos são bem arrumadinhos, não colocaram as toalhas a secar de qualquer maneira, tudo certinho e direitinho,
Um momento bem conseguido. Está visto que a Lina não deixa escapar nada :)

Roadrunner said...

Vejo algumas toalhas de bidé...

dida said...

Eu queria comentar a foto, mas depois do depoimento do Remus tudo o que diga, não faz sentido.
Um viva: la imagination
:-) :-) :-)