Monday, 26 June 2017

Rasgão

... por trás de cada noite, habita o perfeito código de um amanhã.

7 comments:

João Menéres said...

Não tenho palavras à altura desta tua escada...
Mas nos amanhãs deposito sempre muita esperança, embora saiba que um dia chegará em que não estarei presente.

Rasuras do Aparo said...

... tens ... tens de vir mais vezes à janela ...
... noite dentro na busca de um rasgão perfeito ... para um amanhã sem códigos... mas com aquela luminosidade de um dia perfeito ...

Ana Lúcia said...

Rasgaste a Via Láctea?!!! Brilhante.

Luis said...

A modo de vía láctea, un rasgón que es una verdadera belleza. Magnifica la idea y la ejecución. Un abrazo

Dida said...

Passou alguma zebra aos saltos? :-)
E, perdeu as riscas? :-)
Nada escapa!

Manu said...

Um rasgo de esperança,acreditar que em cada rasgo se descobre o que ontem estava escondido à espera de ser desvendado.

Remus said...

Eu já perdi a conta aos papeis rasgados, triturados, cortados, enrolados, colados, agrafados, ... que já vi por aqui. E uma coisa já começa a bater na minha mioleira há muito tempo: A L.Reis não é uma uma pessoa muito ecológica. Para fazer uma boa fotografia não se importa de destruir. Toda a destruição justifica-se, se no resultado obter uma fotografia que nos faça dizer "Uau!"
Pois bem, eu digo "Uau!", assim como posso dizer "Ão! Ão!" ou "Mééééé" ou até posso grunhir como um porco. Posso dizer o que quiser, mas por favor, não rapte as zebras e as coloque por entre as paredes de papel. As bichas nasceram para serem livres e para serem comidas pelos leões, não para andarem a fazer estas figuras, de serem prisioneiras nas fotografias da L.Reis.
:-D