Friday, 27 November 2009

Estilhaços I [Broken day]


atiro pedras ao dias

13 comments:

João Menéres said...

Então depois de um ACONCHEGO, pões-te a atirar pedras AOS dias???
E, como o costume, não erráste a pontaria, muito menos a realização de mais uma bela imagem cheia de palavras estilhaçadas !
Soubeste colocar-te muito bem !

Quase dá para ver o teu belo sorriso de satisfação peloa obra feita!

Um beijo (se ele conseguir não se arranhar...)

Caçador said...

E com se conserta um dia quebrado? Como se cola ou se fixa? Como se arranja ou repõe? Como se reconstroi?

Como se volta a trás no tempo...?

~pi said...

te ia




~

Anonymous said...

Voltar atrás no tempo ... oh! oh! a grande ... senão maior de todas ambições ... oh se pudessemos voltar atrás no tempo ... buscar esse tempo que foi tempo ... tempo com que ainda ... se sonha ...
Será que tinhamos tempo para atirar pedras aos dias ... de certeza que eles não as mereceriam... eram ... foram dias... felizes ...
T

ruimnm said...

Até parece que foi o clik da máquina que partiu o vidro...

Selena Sartorelo said...

Olá L. Reis


Como diz o poeta.."de dentro prá fora. De fora prá dentro.."
Estilhaços, cicatrizes sem tempo, feridas presentes.

beijos

Sérgio Aires said...

"Atiro pedras aos dias" parece-me um excelente anúncio de oferta de emprego. Contratada.

croqui said...

muito bom!
parabéns pelo blog

João Menéres said...

L. REIS

NÃO TE DISSE ?


Um beijo.

Remus said...

Temos umas "disparadora furtiva" :-)
A posição do elemento humano ficou excelente.

Margarida said...

Será que precisamos dos estilhaços que fazemos? ... dos que nos escolhem? ... ou escolhemo-los nós? ... em que dias?

;-)

Bjs

flo g said...

j'aime beaucoup celle ci où la tête du personnage est au centre de l'impact.. les lignes circulaires et en rayons donne un sentiment de propagation, comme des ondes de choc

Noslen ed azuos said...

sempre olho para ele, tanto que se partiu...

bjs
ns