Friday, 26 February 2010

O desmoronar da cor...[Falling apart]

10 comments:

tossan said...

Belo abstrato! É um abstrato não é?
Abraço

Calusarus said...

Very nice old painting texture

Teresa Durães said...

está a desmoronar mas o que resta ainda dá vida. gostei!

Anonymous said...

Há cores intrínsecas e outras apenas de colagem ... as últimas acabam sempre por desmoronar face à eterna persistência das primeiras
T

João Menéres said...

A primeira demão é a fundamental. Vai perdurando mesmo que não o queiramos reconhecer.

Sérgio Aires said...

Ainda bem. Cores para quê?

Remus said...

Como sempre, parece que tem mesmo um dom para captar os pormenores mais ínfimos e simples.
Parabéns.

Margarida said...

Há tintas que não colam, que não pegam, ficam postiças!

Há materiais especiais, que precisam de tintas especiais!

...e depois, por mais tentativas que façamos, como dizia Lavoisier: «No mundo, nada se perde, tudo se transforma!»

:-)
Bjs e bom fds

Andrea said...

Meraviglioso...

laous said...

ardósia. contando uma história às camadas do Tempo.


linda!