Monday, 8 June 2009

Ir... [Just go...]


...e no chão, as ausentes pegadas deixam um rasto de silêncio no caminho.
[...on the ground, just the silence of absent footprints]

24 comments:

João Menéres said...

Outra das virtudes da maré baixa: o que ela nos deixa ver.
Na enchente, as águas andam revoltadas umas com as outras e a gente até foge...
Aqui, não. Apetece IR mar dentro, sem receio.
Onde estás tu agora, que te não encontro?

Um beijo.

Ginnie said...

I'm meditating on your words, Lina...and had to smile when I inadvertently reversed them and said "the absence of silent footprints." :)

Clarice said...

Fica espaço, apesar do silêncio... e depois o mar faz milagres...

Teresa Durães said...

uma foto que traz pacatez

Miguel Almeida said...

Eu diria ir apenas pelo prazer dos sentidos. P&B e enquadramento lindos

Andrea said...

I like so much the words...

vera said...

belle perspective de calme plat!

Fabrice said...

I find it very beautiful, romantic. Perhaps with a widescreen framing ... Try ...
Very successful!

Michael Rawluk said...

I like the wide open expanse of the shot. And the b+w works beautifully.

~pi said...

te

cer

caminho :)





~

Chapa said...

... e porque não?

Gonçalo T. Almeida said...

Olá, um bom enquadramento sem dúvida, mas o que é isso na areia? Deve ter feito "mossas" nos pés de quem lá passou...?

cuentosbrujos said...

Ele perdeu muito tempo, por negligência, e eu perdi um monte de boas fotos, ainda tem um impecável trabalho aqui

Ví Leardi said...

...descalças....!!!

lasiate said...

le cadrage et le traitement rendent de l'intérêt à la banalité de la scène

ruimnm said...

Gosto muito desta paisagem a P&B, com figuras humanas a dar escala à imagem.

JMV said...

Gosto destes espaços amplos que a fotografia tão bem acentua.
um beijinho

Imaginerf said...

Hi, how are you ?
A nice sight here ! I love it ! The scale with the two characters makes the shot !

Remus said...

Não sei qual é o destino, mas por este caminho eu ia. :-)
Composição muito harmoniosa e que transmite uma grande serenidade.
Gostei da tonalidade escolhida.

Carla said...

para ver a imagem e..
...dizer-te também do meu livro...In-finitos sentires que vão ser desenhados em papel. O lançamento é no próximo dia 27 de Junho, às 16 horas na Biblioteca de Valongo (Porto)...aparece se puderes
beijo

Sandra Rocha said...

Que vontade de estar aí com os pés descalsos sentir a areia e a humidade.
Bom fds.
Beijos.

~pi said...

belo como

sonho

an

tigo ----






~

Wim said...

Indeed: no footprints!
Are they running, or just walking?

Still said...

A wonderful image.