Tuesday, 6 March 2018

Teia de chuva


11 comments:

joaquín said...

¡Increible!

João Menéres said...

Eu bem sabia que me ias acabar por me apanhar...
Bem tentei não cair nessa teia, olaré se não tentei !...



BjKa.

DiDa said...

Uma teia pulverizada de pingos de chuva.
Boa!

Camerando Blog said...

Mesmo quando há ritmo evidente, nossos sentidos fotográficos podem deixar passar despercebido (embora tenho quase certeza que isto é obra de uma boa "borrifada"). Ainda assim, nem sempre simulamos aquilo que pretendemos.
Obrigado por, a cada postagem, fazer crescer meu sentimento de inferioridade. Só me resta lutar contra meus próprios "demônios" :)

Kaipiroska said...

Uma obra de arte salpicada pela chuva que só a tornou ainda mais bela.
Tenho que começar a exigir mais das aranhas cá de casa ;)
1bj

Ana Lúcia said...

Amo, amo, amo... pequenas pérolas é o que são e não chuva Rainha do Papel :)

Remus said...

A sério!?!
A L.Reis acha que isto está bem?
A L.Reis acha que este grafo está bem construído?
Nas minhas aulas de Métodos de Apoio à Decisão, aprendi que um grafo é formado por dois conjuntos: um conjunto chamado de vértices e um conjunto chamado arcos; cada arco está associado a dois vértices: o primeiro é a ponta inicial do arco e o segundo é a ponta final.
Um arco é um loop se sua ponta inicial coincide com sua ponta final, ou seja, se o arco é da forma (v,v). Dois arcos são paralelos se têm a mesma ponta inicial e a mesma ponta final, ou seja, se os dois arcos são da forma (v,w). Um grafo é simétrico se para cada arco da forma (v,w) existe um arco da forma (w,v).

Agora que sabe isto, acha que este grafo está bem construído?
Não sabe responder?
Pois eu respondo por si:

Pois está claro que está bem construído. As bolinhas são os vértices e as linhas da teia são os arcos.
A única coisa que está mal, mas mesmo mal, é esta fotografia não ser minha. Isso é que está mal.
:-P

Rute said...

Sublime! Que encanto Lina!

1 beijinho e um bom Domingo :)

Roadrunner said...

Está fantástica! Havia a chuva na areia, esta é a chuva na teia.

Saudações!

Ana Freire said...

O milagre da multiplicação... das pérolas... assim parece!
Uma imagem... que eu jamais conseguiria fazer...
Onde está uma teia... estará sempre uma simpática tarântula... a avaliar por esta teia intrincada... que não deve pertencer a um aracnídeo simplório qualquer... :-D
Bjs
Ana

Rasuras do Aparo said...

... um olhar em modo pérola ...