Tuesday, 27 March 2012

Janela

(... qualquer dia atrevo-me
... e espreito.)

11 comments:

Ana said...

Sublime!

Ana said...
This comment has been removed by the author.
João Menéres said...

Se demoras muito a atrever-te, a trepadeira enche-se de folhas, tapa a janela e tu já não poderás cocar...

Ai as saudades que vou ter !...

Vai, passeia, faz muito trabalhinho e regressa bem !


Um beijo às claras.

Clarice said...

mais um poema para os meus olhos...

beijinho, Lina!:)

Anonymous said...

... sim ...quem diria ...então só espreitar ...
T

Remus said...

Vamos então esperar que esse dia chegue, porque o acto de espreitar é sempre salutar. Penso eu... :-)

Rute said...

Muito bonita essa parede que teima em esconder-se debaixo dos galhos que a trepam... muito bonita essa janela a mudar as cores e as texturas do sitio que a sustem. Gostei muito, Lina.

* Desejo-te um excelente período de descanso;)

1 beijinho

mfc said...

... vestida de heras!

Linda foto.

Margarida Belchior said...

... vais atrever-te agora a espreitar?!?
;-)

... o que achas tu que vais espreitar?!?
:-))
Beijinhos atrevidos

lifeontheviewfinder said...

Bonito grafismo. Onde fica?

L.Reis said...

Lifeontheviewfinder: Esta fotografia foi tirada em Bruges :)