Monday, 27 September 2010

Apaga o dia... [Switch off the day...]

... e deixa-me brilhar.

[ and let me shine...]

13 comments:

João Menéres said...

TU BRILHAS QUALQUER QUE SEJA A INTENSIDADE DO SOL E ESTEJAS ONDE ESTIVERES !!!

Um beijo (então na noite azul...).

João Menéres said...

O dia apagou-se, mas a precisão da iluminária nos vértices não se ressentiu.

Clarice said...

Bonito pedido!

Jorge Munoz said...

un momento fotografico; una imagen, un reflejo destinado desvanecerse.

Rute said...

...e acende-te noite dentro, porque brilhar, já tu brilhas sempre :)

Beijinhos

Remus said...

Em vez de apagar o dia, eu optei por fechar os olhos, que é para não correr o risco de enervar-me...

Por isso, se este comentário tiver erros, já sabe o motivo...

Anonymous said...

Foi por isso que escolhi conhecer-te já noite dentro ... para te ver a ti ... te conhecer a ti ...só a ti ... brilhando ...
T

João Menéres said...

TELE...
O que era?

Zé o Caçador said...

...devagarinho, deixa a noite entrar,
crescer as sombras como lençóis negros
de cetim...

e por aí e isso

bêjo

ruimnm said...

Genial!
até me dá ouras...

Rute said...

ruimnm

...e o que sâo ouras?!...

João Menéres said...

RUTE

Respondo pelo RUI :
É ficar com a cabeça tonta de tanto andar à volta.

RUI

Esteja à vontade para me rectificar se o sentido não era esse das suas OURAS!

Rute said...

João e/ou ruimnm:

...mas existe mesmo a palavra OURAS?! Podem dar uma ajuda aqui a esta ignorante?... :)