Sunday, 28 October 2012

Escrita a cores

...onde se conta a história submersa de um dia por abrir.

9 comments:

Rute said...

...às vezes penso que és assim uma espécie de 'fadinha' mágica...que coisa mais maravilhosa...delicada, suave como seda, etérea...talvez venha do mundo das fadas...Espantosa Lina!

1 beijinho:)

joaquín said...

Tal como esperaba la serie anterior ha sido fantástica, pero esto que nos ofreces hoy se antoja ya insuperable

Fábio Martins said...

Agora diz-me como é que conseguis-te este efeito... será que recorres-te à edição? :-)

Margarida Belchior said...

... de surpresa em surpresa, até à surpresa final! ... porque há sempre uma nova surpresa para nos surpreender!!

Fantástica, Lina!

Beijinhos surpreendidos
:-))

Anonymous said...

... na tentativa imensa de um enroscar em azul ...
T

João Menéres said...

Penetrei no Poço da Morte !

Devo dizer-te que me sinto muito bem !!!

Um beijo submerso pelo muito que te admiro.

João Menéres said...

Agora, só ponho a cabeça à tona, AMANHÃ.

Vou faze ó-ó.

Remus said...

Esta é uma fotografia que transmite muito bem aquilo que sinto quando venho aqui. Sempre que vejo estas fotografias, é como a minha auto-estima fosse sugada por um enorme e impiedoso buraco negro...

Frank said...

Wow, this is really great!