Saturday, 11 June 2022

Blue-ish


 

6 comments:

Ana Lúcia said...

Para ser sincera dúvido desta flor!!! Cá para mim associaste-te à Rainha de Copas e mandaste pintar as flores de azul (provavelmente a Rainha perdeu a cabeça e trocou as cores).
Esta flor... deverá ser branca! Vã lá se procuraste um morrião azul ou uma chicória, lindas flores que florescem agora nos campos.
Cê-se perfeitamente que os estames estão pintalgados de azul!!! Pouco natural.

joaquín said...

Maravillosa

João Menéres said...

Com impacto, sem dúvida, Lina !
😍

Rasuras do Aparo said...

... assim azulado fresco polvilhada de gotas e de um bom humor assinalável ... será de certeza um bem-me-quer ...

Remus said...

Sei que a L.Reis não tem jardim (Ainda bem! Haja justiça neste mundo!) e que só tem umas sardinheiras na varanda e umas begónias junto às escadas. Por isso, imagino que foi ao mercado do Campo Grande (acho que ele existe), com um vaporizador cheio com água. Foi para a zona da venda de flores, de olho atento em todas as flores que fossem azuis. Viu a primeira, borrifou-a com água e toca a fazer a fotografia. Tudo isto debaixo do nariz da vendedora, que estava de olhar incrédulo para semelhante a cara de pau da L.Reis.
- Então freguesa, não quer levar uma dúzia dessas belas margaridas azuis?
- Não senhora! Só quero fazer umas fotos para o Flinpo.
- Homessa! Então vem para aqui molhar as flores e não leva nenhuma?
- Ó mulher, não se enerve … porque eu vou fazer fotografias lindas e depois até lhe as dou para colocar no Facebook e Instagram.
- Parvalhona! Desapareça já da minha banca ou eu chego-lhe já a roupa ao pêlo.

Esta cena foi repetida várias vezes, pelo menos em quatro bancas diferentes.
Só não sei se a L.Reis saiu do mercado com um olho condizente com a cor da flor. Mas eu gostava que sim.

L.Reis said...

Com um?? Não, não foi mesmo com os dois que as vendedeiras pendiam para o violento!