Thursday, 5 April 2018

Pôr a cor a arejar


11 comments:

Minimal said...

Un detalle lleno de color, bonita arquitectura con las persianas como elemento destacado para protegerse del calor y de miradas furtivas.

Un abrazo.

João Menéres said...

Com a frescura que por cá teima em não nos abandonar, não é preciso pôr nada a arejar !
Preciosa captura esta num praia tão Jóia !
Impecável este teu OLHAR, tão bom como a captura.

BjKa.

Ana Lúcia said...

Mas que fofinhos estes prédios apertadinhos, com esses estores?! sacadas?!! originais.

Manu said...

Bem visto e bem arejado.
Gostei das cores e do conjunto que foi muito bem capturado.

Rasuras do Aparo said...

... vou de cor em cor na perspectiva de uma mais quente ... que me faça sentir o verão ... que me impele a sair daquela cor meio azulada meio cinzenta ao encontro de um verde esperançado e envolvido por um vermelho que ja´ foi de paixão e espera um vislumbre de sol ... oculto em qualquer sombra arejada de um dos estores pendentes ...

DiDa said...

E agora pergunto: mas esta gente não pára? (sim está com acento, porque me irrita escrever para, quando quero dizer PÁRA)
Oups... :-)

Curiosas estas portadas. Têm uma espécie de estores do lado de fora.
Um pouco estranhos por parecerem tão leves.
Visto daqui parece um lugar quente. Deve servir para arejar e manter os insetos do lado de fora.

Dito isto, gostei do colorido e da forma de nos mostrar este olhar.

Remus said...

Será que não era possível ter colocado alguma senhorita, semi-descascada, numa dessas sacadas?
É que já que se areja as cores, também se colocava a arejar o resto.
:-D

Mais uma fotografia onde o grafismo está irrepreensível.

Ana Freire said...

Literalmente!...
Belíssimo efeito, que este arejamento nos oferece!...
Adoro a foto! Beijinho
Ana

orvokki said...

Wonderful wall with all these colors and windows.

Roadrunner said...

Ora aqui está um edifício que de "cinzento" nada tem. E com uns estores muito interessantes...
Saudações!

Kaipiroska said...

Que impressão me faz essas casas altas e estreitas, bem diferente da nossa realidade portuguesa e ainda mais açoriana.
Um ponto a favor, as cores vivas e diferentes que com certeza darão um bonito colorido.