Monday, 23 November 2015

De viés

E há outras janelas que são quase uma casa. 
Essas outras nascem de viés, talvez porque  há sempre aqueles dias que nascem tortos e quezilentos, sem esperança de coisa direita.
Nesses dias, pudesse eu ser janela de viés, embrulhada  num aconchego aos quadrados e com vista para vasos cor-de-rosa.


19 comments:

João Menéres said...

Além da janelinha com telhas, manta e vasos, o que jamais esquecerei é o teu espantoso texto, L. REIS !
Um beijo bem cor-de-rosa.

Remus said...

A sua sorte, é que não me salta a telha com muita facilidade... ou será que até que salta? Já nem sei!!!!
Quando venho aqui, já nem sei o que penso e o que sou... E a culpa... Só pode ser da excelentíssima Reis.

Rasuras do Aparo said...

... mas para seres esta janela de viés, seria com um azul a rodear-te de forma a que o aconchego quadriculado com o seu calor fizesse com que os dias se apresentassem direitos ternurentos e esperançosos ... ah! e os vasos teriam a cor dos sonhos ... ( estou de acordo com J.M. que texto )

João Menéres said...

E para nos picar, ainda arranjou muitos corações !
E encobriu outros...
Onde estará o meu beijo, Lina ?

Vá, descobre, se és capaz...

Ana Freire said...

Passando por aqui... que o tempo passa sem se dar conta... e vendo o que andei perdendo ultimamente...
Adorei este pequeno mundo à janela... bem embrulhado neste aconchego de quadrados, vasos cor de rosa... e corações em metal... tudo... para derreter o nosso coração...
Está linda, a imagem!
Bjs
Ana

Ana Freire said...

Passando por aqui, desejando um Feliz Natal, para si e todos os seus, Lina!
Que seja um Natal, pleno de afectos, saúde, alegrias e paz!
Beijinhos! Festas Felizes!
Ana

Ana Freire said...

Feliz 2016, Lina!
Beijinhos!
Ana

João Menéres said...

Então, menina ?

João Menéres said...

Recomeças em Março, Lina ?

João Menéres said...

Tenho que ir aí ?

Rasuras do Aparo said...

... Estou a ver que nem cá vindo resolve o problema ... tá difícil apesar da janela já dar ares de vida ...

Clarice said...

De Viés ando eu por nunca mais ver isto aqui a andar :)
Beijinho, Lina!

Remus said...

Ó senhora da casa!!!!
Está aí alguém!?
É preciso chamar os vomveiros?

João Menéres said...

A 10 de Novembro, fizeste uma PROMESSA DE AMOR.
TREZE dias decorridos vi-te DE VIÉS através de uma grade...
Estás enclausurada, querida Lina ?

Para que lado tombaste ?
Deixo-te AQUELE BEIJO AZUL sob telhas.

João Menéres said...

O mês dos santos populares está a acabar...

João Menéres said...

Não te esqueças de me informar...

João Menéres said...

Estarei atento ao início de Setembro !

Um beijo neste Agosto quente ( a fazer-me lembrar o Faulkner...).

João Menéres said...

É hoje ?

Remus said...

E é hoje?
Não pode ser hoje?
E se for amanhã? Ou então, e se for depois de amanhã?

Mas afinal quando é que a LReis tem pelo menos uma saída precária da cadeia onde deve estar enclausurada?!
Eu sei muito bem os crimes que a LReis cometeu e acho muito bem que pague por eles, mas também acho que ela já merece pelo menos uma saída precária, algo do tipo: passar os fim-de-semana em casa.
:-D