Thursday, 7 August 2014

Num dia de verão até as sombras se atrevem a ter cor


5 comments:

Anonymous said...

... os dias de verão sempre foram e serão assim ... o que era sombra vira cor ... e mantem a velha tendência ... de um azul junto ao rosa ... ondulantes na satisfação de se revisitarem em vários tons ...
T

João Menéres said...

Pois...à saída de manhã, um dia cinzento.
À medida que me aproximava desse teu Tejo as cores iam ganhando força.
E, assim, as sombras não quiseram morrer.

Um beijo com a Lua a espreitar o que faço.

Fabricio K. Ramos said...

Além de nos presentear com uma fotografia que nos passa a sensação de leveza, suavidade , você foi extremamente feliz na escolha do nome... Bom mesmo...
Abraços

chapiniki fotos said...

Precioso detalle cromático, coronado con el magnífico juego de luces y sombras.

Buen fin de semana.

Remus said...

Era assim... Se a vida fosse justa, era assim que a LReis devia ver os seus dias. Devia vê-los por entre as grades...

Será que a LReis tem consciência dos crimes que cometeu?
Será que tem a consciência dos nervos que já provocou?
Será que tem a consciência das depressões que já criou?
Será que tem a consciência das neuroses que já iniciou?
É por estas e por outras, que acho que nesta vida a LReis tem muito para pagar. E pensado bem, até acho que podia começar a pagar já. Podia começar a transferir, em jeito de compensação pelos danos causados, 25€ por cada fotografia que publica aqui no seu blogue para a minha conta no BES Bom.
Vale? Ou prefere continuar a ser considera como a má da fita?
:-D