Sunday, 28 July 2013

Um lado pintado de tempo, outro disfarçado de esperança


10 comments:

:.tossan© said...

Eu como apreciador das minúcias adorei a foto. A textura é fantástica! Abraço

João Menéres said...

Queres que comente o título ou a imagem ?
( Tamos em Krise...)
Fico à espera !


Um beijo sem te pintar.

Nostalgia said...

I see the door to your heart stays mostly closed, Ms. Lina. :-)

Kaipiroska said...

E gosto mais do gasto e enferrujado pelo tempo. Boa composição entre o velho e o menos velho.

Remus said...

Basicamente o grande sonho desta dobradiça, é vir a ser como a bandeira nacional. Ainda está em processo evolutivo. Está espera que alguém lhe faça, pelo menos uma pinta amarela bem no centro.
:-)

Mas quem é que no seu perfeito juízo vai de propósito até S. Pedro da Cadeira para fotografar dobradiças?!
:-D

Anonymous said...

... entre cinzentismos de emoções haverá outras cujo longo tempo de consolidação se demonstra oxidado mas fixo ... cuja esperança se mantêm ... é só uma questão de pintura e óleo de bem querer ...
( então para que raio servem as tintas ...)
T

João Menéres said...

REMUS :

A nossa artista tem amigos para aquelas bandas.
Mas ainda coisa lhe parece estranha na D@P ?

L.Reis said...

Tossan: Obrigada Tossan!

João: Comenta metade do título e metade da imagem.....pode ser :):)

NOSTALGIA: There are no doors to my heart Mr. VZ, just high windows for those who know how to ride the wind :):)

Kaipiroska: Eu também, eu também :)

Remus: Mas há dobradiças sem ser em S. Pedro da Cadeira...essa agora...então e ninguém me dizia nada??? Ando-me eu aqui a esfalfar sem
necessidade!

T: Para pintar o que há-de vir ?...


the dear Zé said...

ao estado a que chegou a nossa bandeira...

Wim said...

Very nice colours! did you add them?