Friday, 11 April 2008

A linguagem das janelas...[The windows' language]

...NÃO ME INCOMODES! [...NOT IN THE MOOD!]


ESTAVA À TUA ESPERA... [I WAS WAITING FOR YOU...]

13 comments:

monsoon-dreams said...

thats sheer poetry in wood!so cozy,so inviting!how i wish to spend a week there!

Gi said...

Quando me abeiro a tua "janela" encontro-a sempre assim, aberta de par em par como que convidando os passantes a espreitarem o que está lá dentro. Eu espreito e gosto sempre do que vejo. Tenho um fraquinho por janelas , já fiz um slide com algumas acompanhado de um poema de Gedeão (sobre janelas claro) , estas tuas,só por si, já são pedacinhos de poesia. gostei de todas mas desta muito especialmente. Um beijinho

jump said...

Oh wow, really beautiful windows... Seems to be great houses, I like this kind of buildings :))

Gonçalo T. Almeida said...

Ah, agora já percebo o comentário das janelas. Os títulos estão muito bem aplicados a cada situação (janela aberta e fechada). Gosto de casas de madeira, mas são um perigo para o fogo...

Alberto said...

lindas! tão lindo como numa banda desenhada infantil

Oswegan said...

I love the detail in the wood in these shots. Nice work.

marietom said...

Jolis portraits de fenêtres.

Still said...

A beautiful capture.

Andrea said...

Yes.
The details in the wood.
And as always your comment makes the picture something better than a picture :)

Bye

Swissinerf said...

I really love these warm colors - Very well done !

Anonymous said...

Sempre houve essas janelas cujos vidros embaciados por vezes eram denunciadores ... de chegadas e partidas ... estou chegando ou estou partindo ... nunca sei ... se calhar estou sempre olhando para as janelas ... diz-me tu
T...

Carla said...

janelas de fogo em dia de inverno! a beleza das cores e um olhar atento!

Teresa Durães said...

das esperas e desencontros fechados, estas janelas são lindas