Tuesday, 6 January 2009

As cores do silêncio [Silent colours]


Pinto o silêncio só para aquietar os olhos, quando o amanhecer me dói.

15 comments:

Elma Carneiro said...

As cores do silêncio... chego a ouvi-lo, nesses reflexos que trazem paz.
Bj

João Menéres said...

PAZ. SILÊNCIO. REFLEXÃO.
E um toque de azul luminoso, lá.

Teresa Durães said...

e que bem traduziste esse silêncio!

Ana Lúcia said...

Apesar de amar todas as cores, o verde, agora é a minha favorita. A cor do silêncio.

Belíssima.

Carla said...

magníficas pinceladas...e em silêncio me retiro

Harry said...

I like this composition and all the muted shades of green in it.

rosasiventos said...

quando o amanhecer

agudo como

grito


(beijo

in_side said...

Ya no existía nada,
la nada estaba ausente;
ni oscuridad, ni lumbre,
-ni unas manos celestes-
ni vida, ni destino,
ni misterio, ni muerte;
pero seguía volando,
des

((esperada(mente.

tossan said...

Fotografia magistral merece 500 estrelas e a paz também. Abraço

La_Dama said...

Interesante perspectiva...

Un saludo!

Clarice said...

...são as que melhor se ouvem... mas na dor.

*bela imagem, também a das palavras!

Remus said...

Mas o silêncio acaba, quando se liga o motor. :-)

Fotografia com umas tonalidades calmas e serenas. Não fosse o azul e até poderíamos dizer que era uma fotografia a verde e branco. ;-)

legivel said...

... era o que eu temia, logo hoje que estarei em Alvalade a ver jogar os lagartos...

É que a cor dominante é o verde e o silêncio não me augura nada de bom... para as minhas cores.

Ginnie said...

Silent colors, silent heart, silent hopes, silent anything right now is so soulful, Lina.

Anonymous said...

Olha vou tentar aparecer cedinho...
Para espantar o amanhecer ...
T